Seiva Trupe. Quarenta anos de cultura despejados na rua pela Câmara do Porto

imagesCA7VITPB

“Seiva Trupe foi despejada do Teatro do Campo Alegre”, no Público

A Seiva Trupe é uma Companhia de Teatro Portuguesa, constituída em Setembro de 1973 na cidade do Porto por um grupo de jovens, entre os quais António Reis, Estrela Novais e Júlio Cardoso. Desde então a Seiva Trupe tem promovido um teatro de rigor artístico, cultural e de comunicação. Foram 125 peças de teatro que apresentou nestes 40 anos. Foi obra. Só em 1993 é que foi reconhecida como Entidade de Utilidade Pública. Mas isso da cultura é habitual em Portugal. Não é por acaso que o fomento da ignorância e do afastamento do povo da cultura acontece por iniciativa dos interesses de dominadores ditatoriais que visam mais facilmente manipular as populações analfabetas, iletradas, incultas, ignorantes, desinteressadas pela cultura e pelo conhecimento que também o bom teatro transmite. É que desse modo mais e melhor embrutecimento chega aos telespectadores via telenovelas de cordel nas têvês. No historial do Seiva Trupe, no Campo Alegre, Porto, inclui-se condecoração pelo Presidente da República com o Grau de Membro Honorário da Ordem de Mérito, em 2010. Foi Cavaco quem condecorou, o que é para admirar porque ele é avesso a essas coisas da cultura. Vê-se. Agora a sociedade de exploração, esclavagista e impiedosa do capitalismo, que Cavaco serve e adula agiu porque a Seiva Trupe celebrou a 2 de Fevereiro de 2000 um contrato com a Fundação Ciência e Desenvolvimento (Câmara Municipal do Porto), que previa que a companhia de teatro se tornasse a companhia residente do Teatro Campo Alegre, até 31 de Dezembro de 2014. Em Março de 2011, a dívida acumulada por parte da companhia de teatro ascendia a 121 mil euros, acrescida de juros de 44 mil euros, mas, após uma negociação longa, em adenda ao contrato, em 15 de Novembro de 2011, a Seiva Trupe reconheceu uma dívida de 50 mil euros, comprometendo-se a pagá-la em 36 prestações mensais. Em outubro de 2013, a Seiva Trupe foi despejada do Teatro do Campo Alegre, pois a companhia de teatro falhou o pagamento das prestações de Agosto e Setembro de verbas em dívida que em 2011 tinham sido alvo de uma renegociação e acordo entre as duas instituições. Não pagou e vai daí rua! Esta é realidade do país cinzento e inculto que os Cavacos, os Passos, os Portas e aqueles que os dirigem fomentam. Salazar e o fascismo agiriam assim, desse modo. Salazar agiu assim nos quase 50 anos da sua perpetuação ao serviço dos interesses de meia-dúzia de famílias donas de Portugal e das então colónias ultramarinas. Na atualidade veio Cavaco e a sua panóplia de insaciáveis devoradores de direitos, liberdades e garantias constitucionais repôr o “antigamente” no ataque contra o teatro, o cinema, a literatura e outras artes culturais. Aos agentes da cultura resta proceder como antes e resistir. Resistir sempre. Nem que uns quantos de nós tenhamos de passar pelas masmorras da nova PIDE e de tribunais que sem pejo, nem vergonha, atacam a cultura no fito de a aniquilar. Sobre o regime Cavaco: o que se pode esperar de uma besta mal dissimulada como ele? Mas isto não vai ficar assim porque Seiva Trupe vai contestar em Tribunal “desocupação coerciva” do Teatro do Campo Alegre”. Resistir, resistir sempre. Quanto à Câmara do Porto, tão PSD-Cavaco, agiu com a vergonha característica das prostitutas (falsas vergonhas). Procederam ao despejo do Teatro do Campo Alegre ocultos pela madrugada. Tal qual os fascistas da PIDE, quando invadiam as casas dos portugueses que lutavam pela liberdade e também pela cultura. O cenário deste quadro visa ir muito mais longe e destruir a democracia em Portugal, na Europa, no Mundo. Querem mãos-livres e via aberta à anticultura. Mas a cultura é a arma que vai estar contra. Resistir. Resistir sempre.

Ana Castelar (fotografia António Alves)

Anúncios

1 Comentário

Filed under Uncategorized

One response to “Seiva Trupe. Quarenta anos de cultura despejados na rua pela Câmara do Porto

  1. Antonio Alves

    Fotografia: António Alves

Deixar opinião

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s