Tudo limpinho de Belém a São Bento

1234966_512679682147661_7263085_n

Marinho fala, fala, mas cai tudo em saco roto. Deve calar-se? Não. Deve continuar a falar para o saco roto porque há sempre umas quantas migalhas que ficam retidas nas costuras. Ao menos isso. Migalhas também são alimento. Alimentemo-nos com as evidências de Marinho, dos Marinhos. Marinho é advogado, Bastonário da Ordem. Advogados, polícias e… ladrões. Politicos ladrões que têm passado impunes entre as frestas e avenidas da corrupção e do nepotismo. Enchente de crimes por investigar convenientemente, a fundo. O de Belém seria um dos que provavelmente seria delinquente em vez de exercer aquele cargo cheio de mordomias. E alguns ou muitos de São Bento? Não? Ali seria uma grande colheita. Supostamente. Olhem Paulo Morais e o que tem dito e comprovado. Também para saco roto. Para quando a conclusão dessas contas? Já tarda. Estamos à espera, senhores Marinhos deste Portugal apossado por bandos certos e incertos de criminosos. Não estão só a roubar os idosos mas sim todo o país… e há dezenas de anos. Vamos acabar com as máfias senhores advogados, senhores polícias, senhores juízes. É urgente dar sumiço por entre as grades a estes ladrões. Lavagem e desinfestação geral, precisam-se. Para que tudo fique devidamente limpinho.

Otávio Arneiro

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Deixar opinião

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s